Homem é morto com dois tiros no peito após reagir à voz de prisão na cidade de Desterro


Um homem identificado como sendo Sérgio Luiz Simões Amorim, 33 anos, residente na Travessa Maria Bárbara, em Desterro (PB), foi morto com dois disparos de arma de fogo do tipo pistola. O fato aconteceu por volta das 10h00 desta quarta-feira, dia 24, quando Sérgio Luiz não atendeu a ordem para baixar arma e foi atingido mortalmente.

De acordo com informações, o fato aconteceu quando cidadãos acionaram a polícia militar após ouvirem disparos de arma de fogo nas imediações onde foi registrado o ocorrido. 

A guarnição da cidade de Teixeira (PB), comandada pelo Tenente Cascudo com apoio da Força Tática, se deslocou até a comunidade conhecida por Alto do Açude.

Ao chegar à residência indicada como possível local onde estaria o praticante dos disparos, a guarnição se posicionou de forma tática na frente da casa e chamou pelo nome do suspeito. Alguns minutos depois Sérgio Luiz saiu de arma em punho e não atendeu a ordem de entrega da arma. Ao apontar a arma para o Tenente Cascudo o homem foi atingido por dois disparos no tórax.

Os próprios policiais colocaram a vítima dentro de uma viatura da guarnição e acionaram o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) quando estavam a caminho da cidade de Teixeira, mas Sérgio Luiz não resistiu aos ferimentos e teve o óbito constatado pelo SAMU.

Sérgio Luiz era conhecido pela polícia, pois já havia provocado outras situações que o haviam levado para a Delegacia de Polícia Civil.

"Nossa missão não é tirar a vida de ninguém, mas quando a vida dos profissionais correm risco iminente, faz se necessário esse ato extremo", relatou Tenente Cascudo. 

Jozivan Antero – Patosonline.com

Fonte: Patosonline