Vereadores vão denunciar prefeito de Catingueira ao TCE e MPPB por duplicidade de despesas...


Os vereadores de oposição da cidade de Catingueira aprovaram no último sábado (21) um requerimento solicitando providências do Tribunal de Contas e do Ministério Público da Paraíba com gastos, supostamente, fictícios da prefeitura municipal com a limpeza de canais e a “poda” de árvores durante o ano de 2014.

O requerimento apresentado pelo vereador Sueldo Campos Leite foi aprovado por 5 votos a 4.

Segundo o parlamentar, a prefeitura gastou no ano de 2014 R$ 156.000,00 com a manutenção e limpeza de 8.000 mil metros de canais e a “poda” de 3.900 árvores na cidade, gastos estes, segundo o vereador, supostamente fictícios.

As despesas começaram no mês de maio e foram até o mês de dezembro, porém, o fato considerado mais grave pelos vereadores de oposição aconteceu no último mês do ano e poderá trazer sérios problemas ao prefeito Albino Félix.

O vereador Sueldo Campos informou que analisando o site do tribunal de contas, pôde perceber que no dia 04 de dezembro a prefeitura pagou R$ 15.600,00 para a “manutenção e limpeza de canais totalizando 800 mts, retirada de entulhos e poda de 390 árvores”, serviço este prestado nomês de SETEMBRO de 2014

No dia 10 de dezembro a prefeitura voltou a pagar o mesmo valor de R$ 15.600,00 para o mesmo serviço, a “manutenção e limpeza de canais totalizando 800 mts, retirada de entulhos e poda de 390 árvores” e desta vez informou que o serviço foi prestado no mês de OUTUBRO de 2014.

Já no dia 30 de dezembro, a gestão novamente pagou a quantia de R$ 15.600,00 para o mesmo serviço, a “manutenção e limpeza de canais totalizando 800 mts, retirada de entulhos e poda de 390 árvores”. Segundo a própria prefeitura, o serviço foi prestado no mês de NOVEMBRO de 2014.

E por último, também no dia 30 de dezembro, foi empenhado novamente o mesmo valor de R$ 15.600,00 para o mesmo serviço, a “manutenção e limpeza de canais totalizando 800 mts, retirada de entulhos e poda de 390 árvores”, e desta vez, o serviço foi prestado no mês de DEZEMBRO de 2014.

A possível irregularidade começou a partir daí. Quando a prefeitura realizou no dia 04 de dezembro o pagamento de R$ 15.600,00 dos serviços realizados em SETEMBRO, teria cometido uma grave irregularidade, pois a despesa deste serviço, referente a SETEMBRO, já tinha sido paga um mês antes, em novembro, ou seja, a gestão teria pago duas vezes pelo mesmo serviço realizando no mês de SETEMBRO.

O vereador Sueldo Campos classificou o fato como gravíssimo e disse que vai denunciar a prefeitura ao Tribunal de Contas por duplicidade de despesas já que realizou o pagamento pelos serviços realizados em SETEMBRO duas vezes, a primeira no dia 28 de novembro e a segunda no dia 04 de dezembro. 

“Ou seja, a prefeitura pagou R$ 31.200,00 para podar 780 árvores e realizar a limpeza e manutenção de 1600 metros de canais na cidade em um único mês” disse o vereador que concluiu dizendo: “Durante todo o ano de 2014, a a atual administração empenhou R$ 156.000,00 para podar 3.900 árvores e realizar a limpeza e manutenção de 8.000 mil metros de canais”

Do CatingueiraOnline