Folha revela que PGR tem ‘grampos graves’ não divulgados e situação de Temer é ‘insustentável’;

A PGR tem mais grampos nas mãos.

Diz a Folha de S. Paulo:
“Investigadores avaliam que a relação entre Michel Temer e Rocha Loures está comprovada em outras interceptações telefônicas, feitas na fase em que a Polícia Federal passou a acompanhar o caso – a fase das ações controladas -, e que prová-la não depende da gravação feita por Joesley Batista”.

A PGR promete demonstrar que a mala de propina entregue pela JBS a Rodrigo Rocha Loures tinha Michel Temer como destinatário final.