Coisa que só acontece na Câmara de vereadores de Piancó.

O Ministério público fez um termo de ajuste de conduta com a Prefeitura, disciplinando que nada poderia ocupar as calçadas e a praça durante a festa de Santo Antônio, para garantir a segurança das pessoas e o livre trânsito pelos deficientes. Ao proibir a instalação de um camarote em via pública, de um eminente Doutor sofre a pessoa 

do Prefeito a ira da mesa diretora da Câmara de vereadores.

 Pergunto: se fosse um eminente pedreiro, lavadeira, auxiliar de serviço ou quiçá um cidadão desconhecido e sem anel no dedo, teria tamanha proteção desses vereadores, mesmo que estivessem contra a lei? Que pena que o mandato de alguns vereadores são usados em favor dos enterrasses dos mais ricos e eminentes doutores em detrimento da sociedade. Piancó é gloriosamente feito por eminentes cidadãos e ninguém é melhor disque outro, repudiamos atitudes discriminatórias, segregaríeis e tendenciosas. Parabéns prefeito por aplicar a lei para todos, sem fazer distinção entre ricos e pobres.