Projeto Mulheres de Peito conquista parceiros e ajuda a salvar vidas no Sertão


Criado no ano de 2015 na cidade de Cuité, Curimataú paraibano, em parceria com a ONG Américas Amigas, o projeto Mulheres de Peito, que tem à frente a mastologista Cristiane Santos, cresce e a cada dia conquista novos parceiros na luta contra o câncer de mama. Na cidade de Piancó, Sertão paraibano, uma Casa Rosa será inaugurada para dar mais agilidade aos tratamentos.

Com o apoio da ex-prefeita Flávia Galdino (PMDB), mãe do atual prefeito Daniel Galdino (PSD), a Casa Rosa contará com uma sala para pequenas cirurgias, um consultório médico, uma sala para ultrassom, um auditório e uma recepção. O local ainda contará com um Centro de Imagem, o qual terá um mamógrafo digital, fruto de uma emenda parlamentar já conquistada pela ex-prefeita, no valor de R$ 1 milhão.

Até que seja montada a Casa Rosa, um veículo será disponibilizado para fazer o transporte das pacientes até a cidade de Campina Grande. Assim como, uma vez por mês a Dra. Cristiane irá ao município realizar cirurgias, agulhamentos, punção, dentre outros atendimentos. A expectativa é que a casa seja inaugurada dentro do Outubro Rosa. 


Além da Casa Rosa, o projeto Mulheres de Peito também planeja adquirir um caminhão com um mamógrafo para realizar atendimentos volantes em todas as cidades da região. O objetivo do projeto é transformar a cidade de Piancó uma referência para todo o Brasil no tratamento do câncer de mama.

APOIO NO CARIRI

O projeto também conquistou o apoio de prefeitos do Cariri paraibano, que por meio do Consórcio Público Intermunicipal de Saúde do Cariri irão disponibilizar mamografias e biópsias para as mulheres da região.

Acompanhe depoimentos da ex-prefeita Flávia Galdino sobre o apoio ao projeto Mulheres de Peito:

POLITICANDOPB